Skip to content Skip to sidebar Skip to footer

Porquê Resolvi Ficar com 2 drones

Olá pessoal, seja bem-vindo a mais um conteúdo aqui no nosso blog. Hoje vamos falar sobre drones e compartilhar uma experiência bem interessante. Se você está passando pelo mesmo problema ou já passou, talvez essa história possa te dar uma luz sobre o que fazer. Vamos lá!

A história do nosso drone “Mangabinha”

Tudo começou com a compra do Drone DJI Mini 3, há aproximadamente um ano e dois meses. Fizemos apenas um ou dois voos com ele e, em seguida, ele parou de funcionar. Entramos em contato com o fornecedor, no AliExpress, e a única solução oferecida foi devolver o drone. Pagamos R$ 240 para enviá-lo de volta, mas infelizmente ele não pôde ser entregue. Perdemos o dinheiro e ficamos com o drone sem condições de voar.

A solução encontrada

Como já tínhamos uma viagem marcada e não queríamos perder as gravações, decidimos comprar um segundo drone, o DJI Mini 3 Pro. Agora estávamos com dois drones e dois controles. A princípio, pensamos em vender o primeiro drone que voltou a funcionar, mas decidimos mantê-lo como backup.

A reviravolta

Depois de aproximadamente um ano, atualizamos o software do primeiro drone e ele voltou a funcionar normalmente. Antes disso, havíamos considerado levá-lo para fazer orçamento, mas cobravam R$ 300 só para avaliar o problema. Felizmente, conseguimos fazer ele voar novamente sem gastar mais dinheiro.

Em nossa última viagem, para Santa Catarina e Rio Grande do Sul, no mês passado, o drone principal, o DJI Mini 3 Pro, apresentou problemas. Durante a filmagem do nascer do sol, ele não conseguia decolar e caía. Somente na volta da viagem, descobrimos que era apenas um pouco de areia que estava obstruindo o funcionamento. Ele está funcionando normalmente agora. Voltamos uns 50km e pegamos o primeiro drone comprado que agora estava funcionando perfeitamente e seguimos viagem.

A decisão de ficar com os dois drones

Depois de todos esses episódios, decidimos manter os dois drones. Afinal, ambos atendem muito bem às nossas necessidades de filmagem aérea. As imagens que precisamos capturar são mais suaves, mostrando paisagens e não ação. Portanto, ter os dois drones nos garante a qualidade que buscamos.

Conclusão

E você, o que faria nessa situação? Preferiria ter dois drones para garantir boas imagens ou venderia os dois e investiria em um drone melhor? A decisão de ficar com os dois drones foi a que melhor se encaixou nas nossas necessidades. Mas gostaríamos de saber a sua opinião. Deixe seu comentário abaixo!

Esperamos que tenham gostado do conteúdo de hoje. Se inscreva no nosso canal e compartilhe para fortalecer nosso trabalho. Até a próxima!

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
0
Would love your thoughts, please comment.x