Skip to content Skip to sidebar Skip to footer

Como foi nossa aventura na fenda da Serra do Corvo Branco, em Santa Catarina

Olá, pessoal. Bem-vindo a mais um post! Hoje vou falar sobre nossa última viagem. Aproveitamos o feriado prolongado para explorar a região das Serras Catarinenses e as praias gaúchas, partindo de Cascavel, PR.

Partimos pela BR-280, que mudou para BR-282, pois da cidade de campos novos. Um itinerário muito bom, já que não tem pedágio e é menos perigoso do que ir pela BR-277.

Chegada em Lages

Chegamos em Lages, no final da tarde. Logo ao chegar eu fiquei impressionado com o tamanho da cidade, com muitos arranha-céus. A cidade tem mais ou menos 150 mil habitantes, mas parece ter o dôbro. Uma cidade muito limpa, com lindas lojas, praças e prédios que não deixam a desejar para cidade nenhuma do mundo. 

Vista Aérea de Lajes, ao Por do Sol

Como já passava das 18:00 horas e o por do sol era as 19:10, ficamos aguardando alí nas imediações do Parque Jonas Ramos, um pequeno lago, numa localização estratégica para subir nosso drone “Mangabinha” e registrar o por do sol.

Parque Jonas Ramos – Lages – SC.

Graças a Deus, deu tudo certo. Ao por do sol, fizemos um voo magnífico sobre a cidade, onde pudemos registrar toda a beleza de Lages, com a luz hipnotizante do sol se pondo. Um verdadeiro espetáculo da Criação.

Hospedagem em Lages – SC

Foi somente após registrar essas imagens que fomos procurar onde passar a noite. Mas não antes de aproveitar um show gratuito que acontecia no Centro Cultural da cidadade. Um espetáculo incrível. Pena que pudemos ficar por pouco tempo, pois ainda tínhamos que fazer uma reserva para aquela noite. Como a gente não tinha uma programação específica, não fizemos reserva com antecedência, pois se houvesse algum imprevisto perderíamos a reserva.

O Hotel custou R$ 310,00 para 4 pessoas. Ficamos no Hotel Rodeio, próximo a UPA. Aliás, a estrutura da UPA é tão chique que pensei que era um hotel. Muito chique.

Já o hotel tinha acomodações bem modestas, sem ar condicionado, somente ventilador e móveis mais antigos. A internet, como sempre, em todos os hotéis e pousadas, é muito ruim. Sinal muito fraco. Preferi usar os dados móveis.

Hotel onde ficamos hospedados em Lages, SC.

Pela manhã, fomos a uma padaria e tomamos um café da manhã e partimos em direção a Serra do Corvo Branco.

Parece que você está viajando pela Europa

Pense numa estrada linda. A impressão que dá é que você está nos Alpis Suíços. Só pelo caminho já vale a pena visitar esse destino incrível. Chegamos no local já era uma 11:00 da manhã. Tinha muita, mas muita gente. Principalmente motoqueiros. Antes de chegar lá, nós paramos em Urubuci, para abastecer e pude registrar a movimentação dos aventureiros.

Rodovia próximo a Urubici – SC.

Para chegar na Serra do Corvo Branco, saindo de Lages, pegamos a BR-282 em direção a Urubici e em seguida a SC-110, que levou diretamente até a Serra. 

Rodovida com paisagens paradisíacas, próximo a Urubici, SC.

A subida até a fenda da Serra, que é um dos pontos prinicpais do passeio é bem difícil, sem asfalta e com pedras. Mas fomos com um carro 1.0 e deu tudo certo.

Visita à Fenda da Serra do Corvo Branco

Ao chegar você vai ver que há uma grande movimentação na Fenda onde você vai registrar aquela belíssima foto do local. Não tem muita organização, filas pra foto ou ordem de chegada. Cada um chega no melhor ponto e tira foto. Também, no meio da rodovida, as pessoas estacionam seus carros, motos. Enfim, não tem uma organização no local. Mas não estou reclamando, apenas explicando como funciona o local, para que não fique perdido ao chegar lá.

Vista aérea do Estacionamento. Esse é o local de parada para fotos e para quem vai fazer a trilha dentro da Serra.

Agora vou compartilhar com vocês a foto principal da Serra do Corvo Branco. Essa é a foto que todo viajante quer ter em sua coleção. A Fenda na Serra do Corvo Branco, um marco natural impressionante, foi criada por intervenção humana. Esse é o mair corte de rocha do Brasil, com mais de 90 metros de altura. Originalmente uma rocha única, ela foi “rasgada” pelo homem após anos de trabalho árduo. Este processo começou antes dos anos 1950 e só foi concluído em 19 de fevereiro de 1980, transformando-a na única estrada de ligação da serra de Santa Catarina com o litoral, uma via de grande importância para o comércio local​. 

Vista principal da fenda da Serra do Corvo Branco, SC.

Esse local é tão incrível que merece mais uma foto. Então, selecionei essa abaixo: 

Uma das vistas mais bonitas da fenda da Serra do Corvo Branco, SC.

Também fiz uma foto aérea do local, com nosso drone “Mangabinha”. Pense num medo de subir meu drone no meio dessa fenda. Fui alertada sobre forças magnéticas no local, que podem interferir no sinal e também tinha muito vento. Subi rapidamente, para fazer essa imagem. Estava difícil achar um lugar para decolar, pois tinha muita gente, mas no fim, deu tudo certo e consegui tirar a foto abaixo. 

Foto Aérea com nosso drone “Mangabinha” da fenda da Serra do Corvo Branco, um dos principais pontos turísticos de Santa Catarina e do Brasil.

Agora que você já viu a fenda, vou te levar para outro passeio, no mesmo local, que é nos Altos do Corvo Branco. Mas vou deixa para  próximo post, para não ficar muito grande. Assm que postar eu coloco o link aqui, ok? 

E você? Já visitou esse paraíso? O que achou? Deixe seu comentário! Um abraço e até a próxima!

Fenda da Serra do Corvo Branco - FOTO: HELIO PERE

Image 1 of 5

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
0
Would love your thoughts, please comment.x