Quatro fenômenos astronômicos imperdíveis para ver em 2020

Este ano teremos pelo menos 4 lindos fenômenos astronômicos para contemplar. Programe-se para assistir. Esse espetáculo celeste é uma prova visível do poder do Criador. Se você não acredita num Criador, respeito sua posição e até entendo. Mas vai tirar proveito deste post do mesmo jeito. Programe-se para assistir esse espetáculo.

1. Eclipse total do Sol

Eclipse solar visto do Observatório de La Silla, no Chile. Em dezembro de 2020, haverá um eclipse solar total que poderá ser visto no sul do planeta — Foto: Martin Bernetti/AFP

Teremos que esperar até 14 de dezembro para podermos apreciar o único eclipse solar total de 2020, um evento que ocorre quando a lua bloqueia a passagem da luz solar.

2. A superlua

A superlua de 2018 é vista perto da estátua do Cristo Redentor, no Rio de Janeiro. Em 2020, a superlua poderá ser vista de março a maio, durante as fases da lua cheia — Foto: Ricardo Moraes/Reuters

O dia 9 de março trará um dos eventos mais marcantes do ano: a superlua. Isso ocorre quando o satélite natural está mais próximo da Terra e coincide com a fase da lua cheia.

3. As Perseidas

Jovem observa o céu, com a Via Láctea vista ao fundo, durante chuva de meteoros Perseidas durante a madrugada em Kozjak, na Macedônia — Foto: Ognen Teofilovski/Reuters

Os dias mais ativos desse fenômeno serão 12 e 13 de agosto. As chuvas de estrelas são, na verdade, chuvas de meteoros vistas em intervalos regulares porque correspondem a momentos em que a Terra passa por rotas de “lixo” espacial.

4. As Geminídeas

Geminídeas: auge acontece todos os anos no mês de dezembro — Foto: AFP

Um dos últimos espetáculos celestes de 2020 será a chuva de estrelas das Geminídeas. Ela ocorre uma vez por ano na Terra, pelo meio de dezembro. Isso porque é neste mês que normalmente nosso planeta, em sua trajetória ao redor do Sol, está cruzando a órbita do asteroide 3200 Faetonte, onde há milhares de pequenas rochas e destroços do asteroide no espaço.

As datas para apreciar esse fenômeno serão de 13 a 15 de dezembro de 2020.

Com informações do site G1.

 

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of